GIRO DE NOTÍCIAS

Rapidinhas BSM – TRE-RJ nega candidaturas de Witzel e Garotinho

Fernando de Castro · 9 de Setembro de 2022 às 19:23

Os candidatos ainda podem ingressar com recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

- NEGADO: O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) indeferiu os registros de candidatura dos ex-governadores do estado Anthony Garotinho (União Brasil) e Wilson Witzel (União Brasil). Ambas as decisões foram por unanimidade, mas ainda cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Witzel é candidato ao governo do estado e Garotinho à Câmara dos Deputados. Garotinho permanece inelegível por ter sido condenado pelo próprio TRE-RJ por corrupção eleitoral e pelo Tribunal de Justiça do estado (TJRJ) por improbidade administrativa e Witzel por ter sido cassado em abril de 2021 por improbidade administrativa durante a pandemia.

- IRONIA: O presidente Jair Bolsonaro respondeu às críticas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que comparou as manifestações do 7 de setembro - a qual Bolsonaro participou, com uma “reunião da Ku Klux Klan”. Bolsonaro disse que o ex-presidiário se sentiu “excluído” após ver um vídeo do ato.

- ANULAÇÃO: A Procuradoria-Geral da República (PGR) recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira (09), contra a decisão do ministro Alexandre de Moraes que determinou a operação da Polícia Federal (PF) contra empresários simpáticos ao presidente Jair Bolsonaro. O recurso assinado pela vice-procuradora-geral, Lindôra Maria Araújo, pede para anular toda a operação e suspender a investigação que está sendo realizada sob sigilo pelo STF.

- PUNIÇÃO: Foi determinado pelo ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Paulo de Tarso Vieira Sanseverino, a remoção de três publicações em até 24 horas, feitas pelo deputado federal André Janones (Avante/MG) no Twitter e no Facebook com informações falsas contra o presidente Jair Bolsonaro. No conteúdo das mensagens, o parlamentar, aliado de Lula, associa o presidente e seu partido, o PL, à suspensão do piso da enfermagem.

- PROCESSO: O advogado Emerson Grigollette está sendo processado pelo deputado federal Reginaldo Lázaro de Oliveira Lopes (PT-MG) por ter gravado um vídeo convidando as pessoas para as manifestações de 7 de Setembro na Avenida Paulista. Em ação popular civil encaminhada à Justiça Eleitoral de Brasília, o parlamentar petista acusa Grigolette e mais seis pessoas, entre elas o Presidente Jair Bolsonaro, de promover “ato lesivo ao patrimônio da União” por convidarem a população às manifestações do Bicentenário da Independência.

- SANCIONADO: Ao lado de deputadas da bancada feminina, o presidente Jair Bolsonaro sancionou o Projeto de Lei (PL) 3.855/20, que institui o “Agosto Lilás” como mês de proteção à mulher. A iniciativa tem por objetivo conscientizar a população para o fim da violência contra a mulher. O texto foi sancionado na manhã desta sexta-feira (9). Em transmissão ao vivo nas redes sociais, Bolsonaro lembrou que o seu governo já editou 78 leis favoráveis às mulheres brasileiras.

 


"Por apenas R$ 29/mês você acessa o conteúdo exclusivo do Brasil Sem Medo e financia o jornalismo sério, independente e alinhado com os seus valores. Torne-se membro assinante agora mesmo!"