GLOBALISMO

Os donos do mundo contra as reformas na Índia

Braulia Ribeiro · 19 de Fevereiro de 2021 às 14:57

A abertura de mercado promovida pelo governo indiano é uma ameaça aos planos dos donos do mundo. Até Greta Thunberg acabou entrando nessa briga ― adivinha do lado de quem?

Nós brasileiros conhecemos bem a condescendência paternalista com que nossos governantes de esquerda eram tratados, e desde a eleição de Bolsonaro toleramos a arrogância e o desprezo com o que o novo governo legitimamente eleito é retratado no cenário internacional. O preconceito e desprezo dos donos do mundo pelos países livres fica ainda mais evidente quando, usando seus minions de plantão ― Macron, Merkel e Greta Thunberg ―, eles se imiscuem em assuntos internos na tentativa de causar tumulto civil.  O Brasil por pouco não passou por isso em 2019 na época da repercussão exagerada das queimadas de verão da Amazônia.

Agora é a vez de a Índia confrontar a maledicência e o ativismo desses atores internacionais, que fingindo defender direitos dos desprotegidos, na verdade trabalham para construir o cenário internacional que favorece o Grande Reset...