DEMOCRACIA À BEIRA DO ABISMO

O GOLPE ESTÁ EM CURSO

Paulo Briguet · 20 de Abril de 2020 às 11:03

Advogados pedem ao STF que Jair Bolsonaro seja afastado das principais funções da Presidência. Golpe foi anunciado ontem (19) pelo presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson

Em 2005, no primeiro mandato de Lula, então deputado federal Roberto Jefferson denunciou o Mensalão, esquema de compra de votos e distribuição sistemática de propinas aos parlamentares, que acabaria levando à prisão de José Dirceu, José Genoíno e João Vaccari e outros líderes petistas.

Em 2016, Jefferson apoiou o impeachment da Dilma Rousseff, motivado pelas pedaladas fiscais de seu governo e ocorrido após escândalo do Petrolão, maior esquema de corrupção já registrado na história, que levou à prisão de Lula, Antonio Palloci e outros potentados.

Em 2020, o mesmo Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB, ergue a voz para denunciar um golpe contra a democracia brasileira. Neste domingo (19), em entrevista ao jornalista Oswaldo Eustáquio, ele afirmou que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, em conluio com lideranças do DEM e do PSDB, inclusive o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, tramam um golpe para usurpar os poderes do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, eleito com 57 milhões...