PANDEMIA

Bolsonaro visita cidade que está vencendo a Covid

Paulo Briguet · 7 de Abril de 2021 às 16:29

Presidente Jair Bolsonaro vai a Chapecó, município catarinense que conseguiu diminuir número de casos com testagem rápida, atendimento especializado e tratamento na fase inicial da doença

O presidente Jair Bolsonaro fez hoje uma visita a Chapecó (SC), a convite do prefeito da cidade, João Rodrigues (PSD). O município catarinense tem sido apontado como um caso de sucesso no combate à Covid-19 graças a uma combinação de procedimentos, entre os quais o tratamento da doença com medicamentos off-label ao surgimento dos primeiros sintomas.

Em 5 de março, Chapecó tinha 5,5 mil casos de Covid-19; hoje tem hoje pouco mais de 300. A cidade tinha 185 pacientes internados há um mês — este número caiu para 29. No começo do mês passado, morriam de 12 a 18 pessoas por dia no município; hoje, a média diária de mortes é de 2 a 3.

Além da adoção do tratamento precoce, o prefeito realizou uma operação de testagem rápida da população local (com resultado em apenas 20 minutos), o que facilitou a identificação dos casos da doença na fase inicial. Durante 14 dias, houve restrição para atividades econômicas na cidade, sem que fosse necessária a adoção de lockdown. Foi o tempo suficiente para a construção do Centro Avançado de Atendimento Covid-19, que foi desativada com a alta de pacientes e a diminuição do número de casos na cidade.

Bolsonaro voltou a defender o tratamento inicial da doença. “É um direito e dever do médico, ele tem que buscar uma alternativa”, disse Bolsonaro. “Hoje têm aparecido medicamentos ainda não comprovados que estão sendo testados, e o médico tem essa liberdade, tem que ter”.

Depois a visita a Chapecó, Bolsonaro seguiu para Foz de Iguaçu, onde participou da entrega da ampliação da nova pista do aeroporto internacional da cidade e também da posse do novo diretor-geral da Itaipu Binacional, general João Francisco Ferreira.

À noite, o presidente vai a São Paulo, onde jantará com empresários.

(Com informações da Agência Brasil.)


É justamente por isso que você precisa assinar o Brasil Sem Medo. Por menos de 1 real por dia, você tem acesso exclusivo às nossas matérias, análises, entrevistas, crônicas, podcasts e ebooks. Você pode optar pela assinatura anual, por 290/ano (média de R$24/mês) ou pela assinatura trimestral, por 87/trimestre (média de R$29/mês) e acessar agora mesmo a todo o conteúdo premium do Brasil Sem Medo.