CPI DO ABORTO

Após aprovação de CPI, portal retira nome de advogada que atuou no caso do aborto em SC

Cristian Derosa · 29 de Junho de 2022 às 15:12

Advogada da família da menina de 11 anos se apresenta como colunista do site que, em parceria com o Intercept, vazou informações sigilosas

O nome da militante feminista Daniela Félix, advogada da família da menina de 11 anos, foi removido do Portal Catarinas, onde era colunista. A remoção se deu nos últimos dias, quando a Assembleia Legislativa de SC discutiu e aprovou a abertuda da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as ilegalidades do caso que terminou com o assassinato de um bebê com 7 meses de gestação, no Hospital Universitário, em Florianópolis.